Home office seguro: entenda os riscos cibernéticos e como evitá-los

Dada a situação provocada pelo Covid-19 e pelo teletrabalho, empresas de grande parte da América Latina enfrentam maiores riscos e tentativas criminosas quando o assunto é segurança cibernética.

Trabalhar fora das dependências físicas da empresa representa um ambiente não controlado e com menos recursos de segurança da informação em relação aos controles de segurança da empresa. Isso impõe uma série de cuidados adicionais com equipamentos e informações corporativas.

É muito provável que, com a propagação de notícias relacionadas ao Covid-19, os funcionários da sua empresa recebam mensagens de phishing, e-mails fraudulentos e mensagens em WhatsApp que tentam se passar por mensagens de fontes confiáveis, mas que estão infectadas com malwares capazes de causar danos ao equipamento ou às informações contidas no computador.

Para evitar ameaças e riscos, elencamos a seguir algumas recomendações importantes.

CUIDADOS EM PERÍODO DE HOME OFFICE

  1. Verifique sempre se o remetente do e-mail é confiável.
  2. Suspeite imediatamente de e-mails e mensagens SMS procurando uma resposta e/ou uma ação precipitada, como o envio de dados corporativos, nomes de usuários e senhas, formulários para recebimento de dados, números de contas ou cartões de créditos.
  3. Contra qualquer envio suspeito e/ou pedidos incomuns vindos de colegas de trabalho, gerentes e parceiros, confirme a veracidade da mensagem. Comunique-se diretamente com o remetente usando um método alternativo (videoconferência ou telefone).
  4. Mantenha as ferramentas de segurança atualizadas em seus desktops ou notebooks: antivírus, firewalls ou similares e o sistema operacional (Windows)
  5. No ambiente de teletrabalho:
    1.  Certifique-se que sua rede é segura. Pense em alterar sua senha para a rede doméstica sem fio. Use senhas complexas, com tamanho superior a 6 caracteres e uso de caracteres especiais (*$%@#!).
    2.  Priorize a utilização de aplicações e serviços necessários para o trabalho em relação a serviços de streaming e redes sociais.
    3.  Faça o backup periódico para unidades de rede e serviços de nuvem.
    4.  Não compartilhe rede doméstica ou do seu celular com pessoas desconhecidas.
    5.  Use a VPN (meio seguro de conexão remota entre você e a rede de sua empresa). Isso permite que as informações trocadas entre você e a empresa estejam criptografadas.
    6.  Não deixe o equipamento e as informações sem vigilância em áreas públicas, como cafés, restaurantes ou espaços compartilhados. Tenha cuidado especial com laptops e telefones.
    7.  Sempre que não estiver utilizando o equipamento, desligue-o ou trave a seção do desktop.

Quer falar conosco? Escreva para responde.covid19@mazars.com.br  e acompanhe as nossas redes sociais.

Quer saber mais?